Guia prático: escolha a melhor faculdade em Campo Grande/MS

estudantes de faculdade em campo grande/ms

Nos últimos anos, o Mato Grosso do Sul revelou-se um celeiro de instituições de ensino superior e viu um crescimento no número cursos e matriculados. De acordo com o Censo da Educação Superior 2018, realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), o estado concentra 33 instituições públicas e privadas, que reúnem aproximadamente 128 mil alunos matriculados em cursos de graduação presencial e na modalidade de educação a distância (EAD).

Assim como no restante do país, existe uma presença massiva de faculdades privadas ― 25 ao todo, sendo que 6 estão situadas em Campo Grande, e as demais, no interior. Além disso, das 4 instituições públicas, 3 são universidades federais e 2 delas estão situadas na capital. As outras estão no interior.

Esses dados nos levam à conclusão de que Campo Grande é uma das capitais universitárias do país, o que atrai muitos alunos não apenas do estado, mas de outras regiões, principalmente do Centro-Oeste e que desejam morar no Mato Grosso do Sul para estudar.

Se você é um deles e está pensando em entrar para uma das faculdades em Campo Grande (MS), uma pergunta que não deve sair da sua cabeça ultimamente é: como acertar na escolha da melhor instituição?

A resposta para essa dúvida você encontra neste guia prático com uma série de dicas para começar o ensino superior na melhor faculdade de Campo Grande e do Mato Grosso do Sul. Acompanhe o artigo até o fim e confira os seguintes itens que devem pautar sua decisão:

  • a avaliação da faculdade pelo MEC;
  • as modalidades de cursos e graus acadêmicos;
  • a infraestrutura da instituição;
  • as bolsas e descontos oferecidos;
  • a reputação no mercado de trabalho;
  • o corpo docente;
  • os convênios e oportunidades oferecidas;
  • a tradição e valores da faculdade.

Como escolher uma faculdade no Mato Grosso do Sul?

A resposta para essa pergunta vai muito além de uma simples pesquisa de preço. Escolher uma instituição de ensino superior é uma decisão que precisa englobar diversos aspectos — isso para que você não se precipite e acabe caindo em um erro capaz de complicar o início da sua carreira, gerar perda de tempo e até de dinheiro, caso você não se dê bem com o curso ou com a faculdade.

Em primeiro lugar, antes de sair procurando a “melhor faculdade do Mato Grosso do Sul”, você precisa ter certeza das opções de graduação que desejaria cursar. Repare que estamos citando “as opções”, porque nem todo mundo tem um grande sonho — como o de ser dentista, engenheiro de computação ou designer de moda, por exemplo. Então, nesses casos, a alternativa é descobrir seu perfil profissional e reunir as carreiras que mais se encaixam em suas habilidades e aptidões.

Passada essa etapa, veja quais faculdades oferecem os cursos de seu interesse e comece uma bela pesquisa sobre elas, levando em consideração diferentes quesitos, desde custo-benefício até infraestrutura, corpo docente e reputação institucional.

Nesse ponto, você deve estar se perguntando: “tudo bem! Mas como saber se não me esqueci de nada?”. Nossa resposta é: acalme-se, pois nós vamos, a partir de agora, detalhar nos próximos tópicos todos os itens que fazem de uma faculdade uma instituição de excelência.

Quais quesitos devem ser considerados pelo aluno ao decidir por uma faculdade?

De lápis e papel na mão, faça uma lista levando em consideração todos os assuntos que abordaremos daqui até o fim do artigo. Leia com atenção e não perca nenhum detalhe!

A avaliação da faculdade pelo MEC

A avaliação do MEC é o instrumento por meio do qual o Governo Federal mede a qualidade dos cursos e instituições de ensino superior de todo o país. O responsável por esse sistema é o Inep ― o mesmo do Censo da Educação Superior, que também organiza e aplica o Enem.

Para chegar a um conceito, o Inep criou o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), que reúne 4 indicadores:

  1. Conceito Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes);
  2. Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD);
  3. Conceito Preliminar de Curso (CPC);
  4. Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC).

Esses indicadores são calculados de forma interdependente, de acordo com uma complexa metodologia, e levam em consideração 4 fontes de dados principais. São elas:

  • o próprio Enade e as respostas do Questionário do Estudante — no qual o aluno universitário dá suas impressões sobre toda a estrutura da instituição de ensino;
  • o Enem — para comparar a curva de desempenho dos estudantes;
  • o Censo da Educação Superior;
  • avaliação dos programas de pós-graduação (mestrado e doutorado) das faculdades, se houver.

A seguir, descubra o que cada um desses indicadores significa!

Conceito Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade)

O Enade tem o objetivo de avaliar o rendimento dos alunos concluintes dos cursos de graduação em relação aos conteúdos programáticos obrigatórios, habilidades e competências necessárias à prática profissional, bem como o nível de conhecimento geral dos alunos sobre a realidade do Brasil e do mundo.

O Enade, juntamente ao Questionário dos Estudantes, reúne os dados necessários para que sejam calculados os indicadores de qualidade da Educação Superior. Trata-se de um exame obrigatório a todos os concluintes para que eles possam colar grau.

Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD)

Como o Enade não consegue apontar por si só se os alunos concluem a faculdade porque já eram bons quando entraram, o IDD foi um indicador criado para saber o quanto a faculdade agregou de conhecimento e formação ao concluinte, ao comparar em uma medida aproximada seu rendimento no Enade e no Enem.

Conceito Preliminar de Curso (CPC)

O CPC é o indicador que avalia a qualidade dos cursos de graduação. Seu cálculo é realizado com base em uma série de variáveis, que incluem o desempenho dos alunos, condições dos professores e até infraestrutura. Veja quais são essas variáveis na lista a seguir:

  • IDD;
  • nota dos concluintes;
  • nota dos ingressantes;
  • organização didático-pedagógica (conforme a opinião dos alunos);
  • proporção de professores com mestrado e doutorado;
  • proporção dos professores que trabalham em dedicação parcial ou integral;
  • qualidade da infraestrutura (conforme a opinião dos alunos).

Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC)

Esse é o indicador que avalia a qualidade das instituições de ensino superior. Ele é calculado todos os anos, levando em consideração vários dados, como:

  • CPCs dos últimos três anos, em uma relação com o número de matrículas em cada um dos cursos;
  • avaliação dos programas de mestrado e doutorado, segundo os conceitos atribuídos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES);
  • distribuição dos alunos matriculados na graduação e pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado).

Seu conceito é de 1 a 5, sendo que um é insuficiente e 5 é excelente. Instituições que tiverem um conceito abaixo podem ter vagas reduzidas em cursos deficientes, suspensão de vestibulares e até serem descredenciadas.

As modalidades de cursos e graus acadêmicos

O grau acadêmico e a modalidade de ensino também são pontos bem importantes na hora de escolher uma faculdade no Mato Grosso do Sul. Isso porque conforme a graduação pretendida pode haver diferentes opções de cursos que levarão você a pesquisar esse ou aquele grupo de instituições de ensino.

Então, vamos começar pelos graus acadêmicos. Observe!

Bacharelado

O Bacharelado é um grau acadêmico conferido a universitários que fazem cursos de graduação de 3 a 6 anos. Boa parte das carreiras oferece o diploma de bacharel, que consiste em uma formação generalista em alguma área de conhecimento para que o futuro profissional comece a atuar no mercado de trabalho. Ao contrário da Licenciatura, o Bacharelado não habilita o graduado para dar aulas em escolas de ensino fundamental, médio e profissionalizante — salvo as que permitem “notório saber”.

Licenciatura

A Licenciatura é destinada principalmente a profissionais que desejam trabalhar em instituições de ensino, pois é o grau obrigatório para quem quer dar aulas em escolas regulares. Por exemplo, para ser um professor de Matemática ou Ciências Biológicas, é necessário ter Licenciatura nessas áreas. Os cursos de Licenciatura duram, em média, de 3 a 4 anos.

Quem quiser fazer uma segunda Licenciatura pode ter esse tempo reduzido, por já ter feito algumas matérias comuns à área de Pedagogia e que estão presentes em todos esses cursos.

Tecnólogo

Em primeiro lugar, compreenda que ter o grau de Tecnólogo não é a mesma coisa que ter estudado um “Técnico-profissionalizante” de nível médio. Esse grau é conferido aos estudantes que fizeram um curso superior em Tecnologia, que são cursos mais curtos (de 2 a 3 anos) e com a grade curricular focada totalmente nas necessidades do mercado, por isso abrange muitos conteúdos práticos.

Online

A modalidade de educação online é aquela cujos cursos são ministrados a distância por meio de um ambiente virtual de aprendizagem. Em outras palavras, trata-se de uma plataforma no site da faculdade que funciona como uma sala de aula. Ali, acontecem todas as interações do aluno com os professores e colegas de classe, bem como estão disponíveis todos os conteúdos necessários para o aprendizado.

Normalmente, os cursos EAD são divididos em módulos e, tal qual nos cursos presenciais, têm exigências para conclusão, como fazer provas, trabalhos, apresentar TCC e ser avaliado pelo MEC. A principal diferença, porém, é que os encontros in loco acontecem pontualmente e em datas pré-agendadas (mensalmente, semestralmente, por exemplo).

As principais vantagens da modalidade online são a flexibilidade de horário e o fato e poder estudar de qualquer lugar do mundo, desde que haja um aparelho com conexão com à internet. Além disso, o diploma tem a mesma validade dos cursos presenciais, e o preço das mensalidades costuma ser bastante reduzido, em razão da infraestrutura otimizada.

Presencial

Os cursos presenciais são o modelo mais conhecido. Acontecem nos campi das faculdades, com atividades práticas e teóricas sempre requisitando a presença física do aluno. Para cursá-los o aluno precisa ter disponibilidade de horários e se dirigir à sede do curso para ter as aulas. A presença é computada por meio de listas de chamada ou registros eletrônicos.

Como o aluno precisa frequentar o curso para ser aprovado, a vantagem é que garantir a organização é bem mais fácil, já que seu desempenho também é baseado na presença. Por outro lado, há o deslocamento e rigidez nos horários, o que pode ser mais desgastante. As mensalidades também são mais elevadas, embora haja políticas de bolsa e descontos (veja mais adiante).

Semipresencial

O curso semipresencial, como o nome já diz, mescla atividades presenciais com disciplinas online. Então, os alunos se encontram periodicamente na sede da faculdade ofertadora do curso para a realização de determinadas matérias (as disciplinas práticas, por exemplo), enquanto as outras são cumpridas na sala de aula virtual.

Existem duas situações em que um curso pode ser considerado semipresencial:

  • curso a distância com aulas e eventos semanais no polo da faculdade;
  • cursos presenciais com algumas disciplinas realizadas a distância.

Em ambos os casos, há certa flexibilidade de horário. Mas tenha a ciência de que os encontros presenciais são obrigatórios e seguem a grade estipulada pela faculdade.

Quanto às mensalidades, elas costumam ter um valor intermediário entre as modalidades EAD e Presencial.

A infraestrutura da instituição

As atuais demandas do mercado de trabalho exigem que as faculdades invistam em infraestrutura que favoreça o encontro da educação com as novas tecnologias e o crescimento das metodologias ativas de aprendizagem.

Por isso, uma moderna faculdade no Mato Grosso do Sul deve, no mínimo, estar em processo de inovação. Observe os seguintes espaços, de acordo com as necessidades dos cursos de seu interesse.

Salas de aula

As modernas salas de aula estão ficando “inteligentes”, ao contar com smartboards, Wi-Fi e outros recursos. Além disso, a disposição das carteiras e o restante do mobiliário também começam a fugir do convencional, possibilitando um aprendizado mais interativo.

Laboratórios e espaços experimentais

Mesmo cursos de humanas precisam de laboratórios e espaços para projetos experimentais. Observe como é a estrutura oferecida para atividades práticas nos cursos pretendidos e quais equipamentos a faculdade oferece para a realização de experimentos, testes, pesquisas e projetos-piloto.

Tecnologia institucional

Faça um checklist com perguntas como o que segue!

  • A faculdade trabalha com ambiente virtual de aprendizagem?
  • Quais são os complementos pedagógicos existentes no portal do aluno?
  • Como acontecem as interações online e a comunicação com os professores?
  • De que maneira a instituição investe em facilidades para serviços administrativos?
  • O sistema de avaliação também utiliza a tecnologia como instrumento de medição da performance do aluno?

Mobilidade do aluno e serviços adicionais

Especialmente se a faculdade ficar distante da região central da cidade, é importante checar os meios de transporte existentes (fretamento, linhas de ônibus, convênios com empresas etc.). Além disso, no caso do uso de veículos particulares, confira se há estacionamento.

Outro ponto importante é a acessibilidade para pessoas portadoras de deficiência. Veja como são os acessos, elevadores, mobiliários, equipamentos etc. para atender a esse público.

Ainda verifique como é a estrutura de serviços como alimentação, impressão, bibliotecas, salas de estudo, videoconferência, que são importantes, especialmente em cursos de maior duração (como período semi-integral e integral).

As bolsas e descontos oferecidos

No caso das faculdades particulares, em Campo Grande principalmente, veja as principais opções de bolsas, descontos e financiamento aos quais o alunos têm acesso. Confira!

Programas federais

São programas do Governo Federal de acesso ao ensino superior, destinados a pessoas de baixa renda ou de renda limitada. Para participar, é preciso acompanhar os editais lançados semestralmente pelo governo. Veja quais são eles!

Parcelamento Estudantil Privado (PEP)

O PEP é o parcelamento privado oferecido para alunos matriculados na Uniderp, em que ele parcela até 70%* do curso e começa a pagar o financiamento só depois que completa os estudos. Isso alivia bastante o valor das mensalidades.

Desconto por pontualidade

O aluno é contemplado com uma pequena redução na mensalidade (em torno de 5% ou 10%) pela realização do pagamento em dia. É um benefício pelo compromisso financeiro com a instituição.

Bolsa incentivo

Oferecida também aos alunos Uniderp, essa bolsa é destinada a alunos calouros com dificuldades de ingressar na faculdade, que a tenham solicitado no momento de fazer a inscrição no vestibular dessas faculdades.

A reputação no mercado de trabalho

Outro ponto importante é observar como está a situação dos egressos no mercado de trabalho. Tente conhecer histórias de sucesso e colha depoimentos de profissionais bem-sucedidos ou personalidades que passaram pelas faculdades de seu interesse.

Além disso, verifique como é a atuação da faculdade em sociedade, por exemplo, ao envolver-se em projetos de pesquisa ou ações comunitárias por iniciativa própria ou em parceria com outras empresas ― o que pode elevar o status da instituição perante o mercado de trabalho.

O corpo docente

O MEC tem algumas exigências com relação ao corpo docente, de acordo com o perfil e enquadramento da instituição. Entre essas exigências, está a formação dos profissionais, como pós-graduação, títulos de mestrado e doutorado, participação em projetos de pesquisa e dedicação à faculdade (regime de trabalho integral ou parcial).

Além disso, você deve considerar se esses profissionais têm experiência real de mercado, seu nível de atualização e a participação em congressos, simpósios e eventos de grande expressão nacional e internacional.

Veja também se sua dedicação é exclusiva às áreas de pesquisa, ensino e extensão, o que reforça uma carreira voltada à vida acadêmica. Lembre-se de que ambas as vertentes são favoráveis, conforme a especialidade do curso.

Os convênios e oportunidades oferecidas

Considere como faculdades de ponta no Mato Grosso do Sul aquelas que impulsionam a carreira de seus alunos por meio de oportunidades distintas. Verifique se a instituição tem convênios e parcerias para programas de estágio com seus alunos e se há alguma forma de divulgação de vagas de emprego em Campo Grande e região.

Além disso, valorize a presença de incubadoras de empresas ou parcerias com entidades como o Sebrae, a fim de incentivar o empreendedorismo. Também, veja se há clínicas experimentais de atendimento à população, como escritórios de Direito, Contábil, clínica de Psicologia etc.

Todas essas ações são importante para incentivar o desenvolvimento profissional dos alunos ainda antes do término da graduação. Por isso, a Uniderp oferece o Canal Conecta, a fim de ajudar seus alunos a ingressarem no mercado de trabalho mais rapidamente e ganharem experiências nas maiores empresas do Brasil!

A tradição e valores da faculdade

No quesito tradição e valores, unidos à visão de inovação esperada do campo educacional, não poderíamos deixar de falar da Uniderp! Nossa instituição, fundada em 1974, vem se mantendo ativa e formando profissionais de destaque há quase 50 anos, em razão da mentalidade de crescimento que permeia nossa história.

Isso porque acreditamos que a educação não pode ficar parada no tempo e precisa sempre se reinventar. Ao apostarmos na união entre tecnologia e modernas práticas de ensino, tornamos o aluno o protagonista da construção do próprio conhecimento e aumentamos sua capacitação para que atue de forma proativa no contexto atual do mercado de trabalho e da própria sociedade.

Para tanto, se estiver buscando uma faculdade em Campo Grande ou qualquer outra região do Mato Grosso do sul, ao comparar valores e tradição, tente verificar a qual é a missão institucional e como ela se transformar em benefícios reais ao aluno. Veja nossos exemplos a seguir!

Ensino personalizado

Acreditamos que cada aluno tem seu próprio ritmo e perfil de aprendizagem. Portanto, não é possível tratar todos os estudantes de forma igual. Pensando nisso, desenvolvemos um sistema de aprendizagem personalizada que fornece o apoio necessário ao aluno em cada fase da formação acadêmica.

Sistema de ensino impulsionador

Queremos que você esteja preparado para encarar o mercado de trabalho de forma autêntica e competitiva. Por isso, nosso sistema de aprendizagem é pautado por uma grade curricular atualizada com as presentes demandas de cada carreira e valoriza o contato com situações reais e interações práticas que tornam o aprendizado dinâmico.

Avaliação continuada

Acreditamos que a avaliação é um processo contínuo, portanto, faz-se necessário ter um sistema que permita ao aluno experimentar diferentes instrumentos avaliativos, a fim de que professores e estudantes tenham um real feedback quanto ao desempenho na apreensão dos conhecimentos.

Conexão com o mercado de trabalho

Como dissemos, nossos alunos têm acesso ao canal Conecta um portal gratuito e exclusivo onde são publicadas vagas de estágio e emprego em inúmeras empresas de todo o país. Essa iniciativa tem o objetivo de facilitar o conhecimento das oportunidades e a colocação dos estudantes no mercado.

Neste artigo, procuramos mostrar os principais pontos que você deve ter no radar na hora de pesquisar faculdades em Campo grande (MS). Como é possível perceber, são itens muito distintos e que podem variar conforme o perfil da instituição. Então, o primeiro ponto é ter ciência de quais são seus objetivos acadêmicos e a carreira a seguir.

Desejamos que você faça uma excelente escolha! E se você já nos visitou e sabe quem somos, não perca tempo e inscreva-se no vestibular da Uniderp. Comece o quanto antes sua faculdade e aproveitando descontos especiais!

*Sujeito à alteração

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

cursos uniderp

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.