Como conseguir uma das vagas do Tribunal de Justiça MS?

tribunal de justiça

Conseguir uma das vagas do Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul não é uma tarefa simples, mas ela pode ser facilitada a partir de algumas dicas

O trabalho na instituição ocorre de diferentes formas, a partir das carreiras existentes. O oficial de justiça e o técnico judiciário, por exemplo, não requerem o nível de graduação, mas ofertam salários menores. Já o analista judiciário é um excelente cargo e exige a faculdade de Direito — ou seja, contar com a melhor faculdade em Campo Grande é o primeiro passo para conquistar esse objetivo.

Se você deseja saber como conseguir uma vaga no Tribunal de Justiça do MS, confira o nosso post e veja ótimas dicas. Vamos lá!

Entenda as áreas de atuação dentro do Tribunal

O Tribunal de Justiça é um dos órgãos mais importantes no ramo jurídico por atuar com os processos judiciais no Brasil. Com diferentes áreas de trabalho, como Criminal, Cível e Trabalhista, a instituição reúne um grande número de colaboradores.

Especificamente em relação às carreiras jurídicas, podem ser citadas as seguintes funções:

  • juiz;
  • analista judiciário;
  • técnico judiciário;
  • oficial de justiça;
  • estagiário de Direito.

O juiz ou magistrado é a pessoa responsável por julgar os processos que chegam até ele, aplicando as leis e as normativas brasileiras. O salário do juiz é bastante interessante: no concurso realizado em 2019, o salário era de R$ 27 mil. Além disso, a carreira é repleta de bonificações e de vantagens, atraindo diversos profissionais nos concursos públicos. Por isso, a prova é concorrida e requer 3 anos de experiência jurídica.

Atuando ao lado do juiz, o analista judiciário é um bacharel em Direito que reúne extenso conhecimento jurídico. Responsável por assessorar o magistrado, o trabalho é bastante interessante, e a possibilidade de aprendizado é grande. A remuneração pode chegar a R$ 18 mil.

Já o técnico judiciário cumpre atos processuais para dar andamento ao processo, e o oficial de justiça cumpre atos do juiz, intimando as partes e notificando os envolvidos sobre a existência do processo. O salário gira em torno de R$ 7 mil.

O estagiário, por fim, é um aluno de graduação que compõe uma carga horária menor do quadro de colaboradores. A sua função é auxiliar o cotidiano de trabalho de forma supervisionada, com o objetivo de experimentar o dia a dia na instituição.

Estude em uma faculdade de qualidade

Para garantir uma boa vaga no mercado de trabalho em Campo Grande — seja em uma empresa privada, seja em um órgão público —, é essencial contar com um ensino de qualidade. Isso porque, além do aprendizado das matérias essenciais para uma atuação profissional eficiente, um bom nome no currículo faz toda a diferença.

Em relação ao universo de concursos, o estudo em uma faculdade de qualidade garante o cumprimento de uma grade curricular completa. Como as provas de concurso público exigem uma grande quantidade de matérias, o concorrente que já teve contato com as disciplinas durante o curso leva vantagem.

Procure uma instituição de renome, que ofereça várias formas de ingresso e boa infraestrutura. Lembre-se de escolher a modalidade de ensino mais adequada ao seu cotidiano.

Ganhe experiência na área jurídica

A experiência na área jurídica faz bastante diferença no momento de prestar um concurso e, inclusive, pode ser uma ferramenta de desempate entre dois concorrentes. Por isso, procure aproveitar o seu dia a dia na graduação e busque recursos que vão além da sala de aula.

Além de estágios curriculares, uma boa faculdade fornece projetos de pesquisa, de extensão e de atividades complementares aos alunos. O objetivo da instituição em oferecer alternativas ao estudante é tornar a sua experiência na faculdade o início de uma caminhada de sucesso.

O aluno também pode ganhar experiência por meio de trabalhos voluntários que tenham relação com o universo jurídico ou pela participação em cursos e eventos do ramo. A inscrição para atuação como jurado no chamado Tribunal do Júri é outra excelente ideia, e estudantes de Direito têm preferência na convocação. Interessante, não?

Faça os processos seletivos de estágio

Estágios em órgãos públicos, como o Tribunal de Justiça, são bastante procurados pelos alunos devido ao tipo de matéria que colocam em atuação e à boa remuneração mensal, chamada de bolsa-auxílio. No entanto, é preciso participar dos chamados processos seletivos para ingressar em instituições do tipo.

É um bom treino participar desses processos, considerando que o aluno tem contato com o esquema de prova, os assuntos envolvidos e as maneiras como as questões são elaboradas. Além do mais, tais avaliações fornecem um bom feedback a respeito do aprendizado em sala de aula.

Fique de olho nos processos seletivos do Tribunal de Justiça, Ministério Público, Defensoria Pública, Procuradoria Jurídica e Delegacias e ganhe experiência no assunto. Quem sabe o seu futuro profissional não tenha início em um desses órgãos?

Preste concursos após a formatura

Depois da graduação, os exames e concursos passam a contar para valer. Por isso, todas as disciplinas vistas durante o curso de Direito, os estágios realizados e as diferentes experiências jurídicas são importantes para auxiliar esse momento.

Uma boa dica para garantir uma vaga com rapidez no Tribunal de Justiça do MS e auxiliar a girar a economia da região Centro-Oeste é prestar concursos logo após a formatura. Essa atitude também funciona como uma espécie de treino, e é um termômetro sobre a necessidade de mais ou menos estudo em determinadas matérias.

O universo de concursos também pode significar mais tempo de espera para que o bacharel em Direito seja convocado — a depender da classificação do concorrente e da necessidade da instituição. Assim, prestar concursos logo após a formatura pode garantir uma boa vaga ao recém-graduado ou uma boa colocação na lista de espera.

Se você deseja ingressar no mercado de trabalho por meio de um concurso público, conte com as nossas dicas e consiga uma das vagas no Tribunal de Justiça do MS. O Canal Conecta, plataforma de vagas exclusiva dos alunos da Uniderp, também fornece informações a respeito de oportunidades no mercado e pode ser um auxílio interessante ao profissional recém-formado. Arregace as mangas, tenha foco, seja proativo e consiga cumprir as metas estabelecidas.

Você viu como a graduação em Direito é um passo essencial para a conquista de uma vaga no Tribunal de Justiça. Se o pagamento das mensalidades estiver complicado, não se desespere. Veja, agora, se você tem direito ao Prouni e conquiste o tão sonhado diploma de graduação!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

bolsas enem
cursos uniderp

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content