Agropecuária no Brasil: quais regiões geram mais oportunidades?

oportunidades de agropecuária no brasil

A agropecuária é uma das atividades econômicas mais rentáveis do país, gerando uma série de oportunidades de trabalho no ramo. A capacidade de crescimento e as perspectivas para o futuro são grandes, muito devido à expansão das áreas de cultivo e dos produtos agrícolas no mercado.

De acordo com o Ministério da Agricultura, o valor da produção agropecuária no Brasil em 2019 foi estimado em R$ 603,4 bilhões, configurando a segunda maior marca registrada pelo setor nos últimos 30 anos. Ou seja, quem deseja atuar na área e aproveitar as vagas deve buscar por especialização quanto antes, de preferência optando por estudar em uma instituição de ensino superior de excelência.

Para isso, continue acompanhando e veja quais são as regiões do país que mais geram oportunidades de emprego no ramo agropecuário. Confira a seguir!

Região Sul

No Sul, a produção agrícola é voltada sobretudo para o cultivo da soja, da carne, do milho, da cana-de-açúcar e do algodão. Nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, o arroz e o trigo também ganham destaque. Todos os produtos são valiosos para a exportação, sendo vendidos para o Oriente Médio, a China, os Estados Unidos e, ainda, para os países que compõem o Mercosul.

Para ter uma ideia da proporção do crescimento, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima que a produção de soja no Paraná chegue a R$ 19,8 milhões de toneladas em 2020. Isso resulta, por exemplo, em maior interesse em relação ao grão, o que pode expandir tanto a safra anual quanto as exportações.

Região Sudeste

Os agrônomos brasileiros também podem buscar por vagas de trabalho na região Sudeste, um local onde a mecanização e o uso de procedimentos de alta tecnologia na Agronomia é predominante. Mesmo que muito da economia da região esteja voltada para a indústria, a produção de café, carne, feijão, mandioca e laranjais apresenta índices significativos para o setor agrícola.

De acordo com dados do IBGE, São Paulo é o estado com maior valor da produção, apresentando 15,5% de participação nacional no mercado agropecuário. Assim, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo são considerados estados com grande potencial de oportunidades, oferecendo excelentes vagas para quem apresentar diferencial.

Região Nordeste

O Nordeste é uma das regiões com maior pluralidade de biomas, tendo áreas semiáridas, úmidas e secas para o cultivo dos produtos agrícolas. As culturas mais expressivas são de hortifrúti, como melão, uva, manga e abacaxi. A cana-de-açúcar também tem grande representatividade no Nordeste, movimentando grande parte da economia.

São Desidério, uma cidade localizada no oeste da Bahia, por exemplo, liderou o ranking nacional de produtividade, de acordo com um estudo do Departamento de Financiamento e Informação da Secretaria de Política Agrícola, do Ministério da Agricultura. Isso porque o município apresentou o valor de R$ 3,6 bilhões em 2018, representando uma alta significativa de 54,4% em relação ao ano anterior.

Região Norte

Na região Norte, são produzidas culturas mais tradicionais, como mandioca, milho e arroz. Do mesmo modo, a soja, como um importante item de exportação, apresenta um alto índice na comercialização e no mercado agropecuário.

A pecuária também vem apresentando crescimento, com cada vez mais áreas reservadas à pastagem. As principais criações são de bovinos e de bubalinos, sendo que, atualmente, os estados do Norte comportam grande parte do rebanho do Brasil.

Em 2018, por exemplo, dados da Secretaria de Política Agrícola (SPA) indicaram um volume financeiro das lavouras na faixa de R$ 16,6 bilhões. Assim, em 10 anos, o crescimento da produtividade no Norte foi de 39%, superando até mesmo as taxas de evolução de importantes regiões brasileiras, como Centro-Oeste e Sudeste. O Pará é o estado que atualmente lidera o setor, apresentando uma receita de R$ 7 bilhões.

Região Centro-Oeste

A região Centro-Oeste, composta pelos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal, tem uma economia essencialmente agropecuária. Juntos, eles representam os maiores produtores de grãos do Brasil, como a soja, o milho e o arroz. A produção de algodão também recebe destaque nacional, assim como a criação de gado, considerada a mais significativa do país.

Segundo um levantamento do Ministério da Agricultura, o Centro-Oeste passou a liderar a produção agropecuária em 2018, sendo que as lavouras apresentaram o segundo melhor resultado desde 1989. Isso teve consequências positivas tanto para o mercado de trabalho quanto para a economia da região, que vem passando por uma verdadeira expansão em suas fronteiras agrícolas.

Para aproveitar ao máximo as boas perspectivas e as oportunidades de emprego no setor, é imprescindível buscar por qualificação, entendendo quais são as profissões em alta na área. Uma ótima dica é optar por um curso de ensino superior, como Agronomia e Engenharia Ambiental.

Aqui na Uniderp, oferecemos um sistema de ensino dinâmico e interativo que prepara os graduandos para a realidade das diferentes profissões. O apoio personalizado também faz toda a diferença na experiência acadêmica, pois a avaliação continuada da Uniderp permite que o estudante acompanhe o seu desempenho e esforço em cada atividade desenvolvida ao longo dos semestres.

Assim, cursar uma graduação é o caminho mais indicado para quem deseja obter os conhecimentos e as técnicas para o setor agrícola. Com isso, é possível transformar o aprendizado em prática, tanto por meio de atividades de pesquisa quanto de produção. Tudo isso visando, é claro, constituir uma carreira de sucesso e de destaque no mercado.

A agropecuária no Brasil é, sem dúvidas, um campo bastante promissor, não é mesmo? O cenário atual aponta excelentes possibilidades de atuação para quem obtiver qualificação profissional. Sendo assim, lembre-se de que optar por uma faculdade de qualidade e de excelência é o passo mais recomendado para iniciar os estudos na área. Com isso, você estará apto e preparado para encarar os desafios e as boas oportunidades de crescimento do ramo agrícola.

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita, conheça também as profissões mais bem pagas do país e capacite-se quanto antes!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 19

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

bolsas enem
cursos uniderp

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content