Por que a agropecuária é tão importante em Campo Grande?

agropecuária campo grande

O setor de agropecuária em Campo Grande tem um enorme potencial de crescimento e reserva boas oportunidades para os profissionais da área. Até porque, o agronegócio é, hoje, considerado uma das atividades mais importantes para a economia nacional, destacando-se como o principal nicho de investimento da grande indústria.

O objetivo da ocupação é atender ao mercado de alimentos, recursos e matéria-prima, a fim de abastecer e disponibilizar insumos para o mercado interno e externo. Nesse sentido, o estado do Mato Grosso do Sul tem atraído cada vez mais investimentos, justamente por dispor de extensas áreas agricultáveis e de incentivos voltados para a expansão industrial.

Ficou curioso sobre o assunto? Então, continue a leitura e saiba qual a importância da agropecuária em Campo Grande. Confira a seguir!

A agropecuária brasileira em alta

Os dados da produção agropecuária em 2019 confirmam que a atividade tem apresentado excelentes resultados para a economia brasileira. Isso porque, o setor representa 8% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, sendo responsável pela geração de inúmeras vagas de emprego a cada ano.

São diversos os fatores que favorecem a aceleração do crescimento da produção agropecuária. Dentre eles destacam-se, principalmente, as boas perspectivas de exploração do mercado interno e a oferta de áreas propícias ao desenvolvimento dos plantios. Tudo isso contribui tanto para o processo de modernização quanto para a melhoria dos meios de mecanização da produção rural.

Em 2019, o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) do país foi estimado em R$ 603,4 bilhões, sendo o segundo maior valor alcançado pelo setor em 30 anos. Assim, o Brasil ocupa atualmente um dos primeiros lugares no mundo na produção de café, cana-de-açúcar, soja, laranja, bovinos, entre outras culturas.

A participação de Campo Grande no mercado agropecuário

A agropecuária em Campo Grande é uma das principais atividades econômicas da região localizada no Centro-Oeste do país. A cidade tem uma participação significativa no cenário nacional, uma vez que os índices de produtividade apresentam crescimento significativo a cada ano.

O local se destaca, justamente, devido aos investimentos em tecnologias voltadas para as propriedades rurais, como a compra de maquinários, insumos agrícolas e a utilização cada vez maior de mão de obra especializada para o desenvolvimento das atividades.

No Centro-Oeste, ainda, é possível identificar uma série de áreas agrícolas propícias para a produção de determinadas culturas. No estado do Mato Grosso do Sul, por exemplo, são produzidos em grande escala o arroz, o milho, o algodão e a cana-de-açúcar. Do mesmo modo, a pecuária também investe na criação de bovinos, bubalinos e equinos, favorecendo sobretudo a expansão do setor nesta região do país.

O avanço de emprego no setor agropecuário em Mato Grosso do Sul

Nos últimos anos, o agronegócio tem representado uma média de 30% do PIB do Mato Grosso do Sul, o que classifica a atividade como uma das mais relevantes para a economia do estado. Isso porque, a região é uma das maiores produtoras de grãos do país, dispondo de mais de 1 milhão de hectares de culturas plantadas.

A pecuária, do mesmo modo, é a maior do Brasil — e espera-se ainda mais crescimento para os próximos anos. Muito do que vem ocorrendo no estado se deu devido a um intenso processo de industrialização, tendo o setor de serviços alavancado pelo turismo ecológico promovido, sobretudo, no Pantanal e em cidades de maior visitação, como Bonito.

Com isso, a expectativa é que crie-se cada vez mais vagas de emprego para os profissionais agropecuários no estado sul-mato-grossense. Muito disso caminha junto da agroindustrialização e da geração de mais serviços locais, principalmente por conta da instalação de novos empreendimentos na região.

Alguns especialistas destacam que o cenário para o começo do ano é bastante positivo, esperando-se que o setor gere 5 mil novas vagas nos próximos meses. Isso demonstra, justamente, a importância do dinamismo de tal atividade econômica para a geração de novas oportunidades profissionais.

A demanda por profissionais cada vez mais capacitados

Mesmo que o setor agropecuário tenha representado avanços nos índices de empregabilidade, é fundamental contar com uma formação na área para exercer as atividades técnicas que o mercado agropecuário em Campo Grande exige. Alguns cursos de nível superior, como Agronomia, Medicina, Veterinária e Engenharia Ambiental são excelentes opções de profissões para seguir.

Até porque a demanda por pessoas capacitadas é crescente em um ramo que tem recebido investimentos significativos. Além disso, em razão da quantidade de produtos com qualidade diferenciada que o Mato Grosso do Sul pode oferecer para a produção agrícola no país.

Sendo assim, a necessidade de inovação, tecnologia, conhecimento e qualificação da mão-de-obra dos profissionais pode ser a porta de entrada para aumentar a competitividade e o destaque do Brasil no setor. Ainda, o objetivo também é criar melhores condições de produção, preservar recursos e gerar maior lucratividade com o repasse das novas tecnologias.

Assim, a capacitação é fundamental para que seja possível promover a evolução e estabelecimento do agronegócio no estado do Mato Grosso do Sul. Ou seja, para além da preocupação de fazer a colheita e o plantio, é preciso que os técnicos agropecuários saibam como operar máquinas e sistemas das mais altas e modernas tecnologias, exigindo que acompanhem as inovações para se manterem ativos no mercado.

Sendo assim, os profissionais podem agregar bastante valor em diversas etapas dos negócios agropecuários, acelerando o processo de desenvolvimento da produção. Os gestores, nesse sentido, podem contar com mais eficiência em uma série de processos, valorizando tanto a experiência de seus colaboradores quanto a mão-de-obra qualificada e necessária para aproveitar todo o potencial do setor.

Como visto, a agropecuária em Campo Grande é uma área de atuação interessante para quem deseja ascender na carreira profissional. Lembre-se de que, apesar das constantes novidades, é preciso estar atento e buscar por uma instituição de ensino de qualidade para obter o conhecimento técnico necessário para atuar no ramo.

Aqui na Uniderp, você encontra todas as opções de cursos especializados para atuar na áreas relacionadas à agropecuária, com a infraestrutura necessária para desenvolver suas habilidades práticas e teóricas. Afinal, em contato professores pós-graduados, você terá a oportunidade de conhecer todas as especificidades do mercado!

Quer saber mais sobre o assunto? Fique por dentro de todas as novidades, curta a página da Uniderp no Facebook!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

bolsas enem
cursos uniderp

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content