Vale a pena se inscrever no Sisu da UFMS?

estudante conferindo notebook

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é uma importante solução para facilitar a participação de um número maior de alunos no vestibular de instituições públicas, como é o caso da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Para que você tenha uma ideia, no vestibular 2020, do total de 5.220 vagas oferecidas, 40% foi reservado para o Sisu UFMS. Esse é um número bastante significativo, mas não torna mais fácil o processo de ingresso, já que 15.630 candidatos fizeram a prova do vestibular, além de outros 7.731 participantes do Programa de Avaliação Seriada Seletiva (Passe).

Então, pensando em ajudar você a decidir se vale a pena fazer o Sisu no Mato Grosso do Sul para concorrer a uma das vagas na UFMS, levantamos alguns dados neste post. No fim, vamos falar sobre algumas alternativas de ingresso no ensino superior. Dê uma olhada!

Quais são as médias das notas de corte do Sisu UFMS?

No Sisu UFMS 2019 (última referência divulgada), a média das notas de corte para seus 111 cursos ficou em 644,35 pontos. A maior pontuação ficou com o curso de Medicina (817,40 pontos), e, a menor, para Geografia (542,24 pontos).

Quais são os cursos de maior e menor pontuação?

Para que você tenha uma ideia de como é o nível de dificuldade de ingresso em cada curso, separamos um ranking com os 10 cursos com maior e menor nota de corte. Confira.

Cursos com maior nota de corte no Sisu UFMS

  1. Medicina: 817,4 (Três Lagoas)
  2. Medicina: 800,22 (Campo Grande)
  3. Direito ― integral: 780,35 (Campo Grande)
  4. Direito ― noturno: 772,26 (Campo Grande)
  5. Direito: 752,13 (Três Lagoas)
  6. Psicologia: 750,68 (Campo Grande)
  7. Direito: 747,58 (Corumbá)
  8. Odontologia: 740,28 (Campo Grande)
  9. Medicina Veterinária: 740,24 (Campo Grande)
  10. Engenharia Civil: 738,99 (Campo Grande)

Note que as maiores notas de corte do Sisu estão em Campo Grande, pois lá fica o principal campus da UFMS.

Cursos com menor nota de corte no Sisu UFMS

  1. Geografia: 542,24 (Aquidauana)
  2. Matemática: 542,98 (Ponta Porã)
  3. Pedagogia: 543,93 (Naviraí)
  4. Letras Português e Espanhol: 545,95 (Aquidauana)
  5. Matemática: 549,51 (Aquidauana)
  6. Geografia: 551,97 (Aquidauana)
  7. Letras Português: 552,13 (Coxim)
  8. Geografia: 554,63 (Corumbá)
  9. Letras Português e Espanhol: 555,5 (Corumbá)
  10. Matemática: 556,08 (Corumbá)

Listas de espera

Quando as vagas do Sisu não são preenchidas na primeira chamada, a UFMS utiliza o seguinte sistema de listas de espera:

A) Lista de espera disponibilizada pelo Ministério da Educação (MEC), que é referência para a segunda chamada.

B) Lista de espera da própria UFMS, que é referência a partir da terceira chamada.

Para ficar na lista de espera do MEC (A), o aluno deve confirmar o interesse na vaga por meio do site do Sisu. Para permanecer na lista de espera da UFMS (B), deve fazer a confirmação pelo site ingresso.ufms.br. Atenção aos prazos de cada etapa!

Quais são as outras formas de ingressar no ensino superior?

A concorrência do Sisu UFMS parece grande? Bem, se você está no Mato Grosso do Sul, saiba que existem algumas alternativas um pouco mais tranquilas para começar já sua faculdade.

Em primeiro lugar, saiba que há faculdades particulares em Campo Grande com alto nível no ensino. Aqui na Uniderp, são oferecidos cursos de graduação presencial, semipresencial e a distância, todos com excelente pontuação na avaliação do MEC.

Além disso, com o intuito de ampliar o acesso de novos alunos, em 2018, foi criado o vestibular online, uma excelente alternativa para estudantes que moram distante do campus ou tenham dificuldade de locomoção. Hoje, esse processo seletivo estende-se a todos os cursos de graduação.

Ainda, é possível escolher entre o vestibular presencial e o agendado como forma de ingresso. Além disso, como a questão financeira é um ponto que exige atenção, na Uniderp disponibilizamos várias opções de bolsas, descontos e benefícios.

Como você viu, o Sisu UFMS é bastante concorrido. Com isso, pode levar um tempo até que você consiga a aprovação, especialmente em cursos com maiores notas. Então, optar por uma faculdade particular pode estreitar esse caminho.

De qualquer forma, alcançar uma boa colocação exige bastante esforço. Por isso, você precisa traçar uma boa estratégia de estudos. Fique conosco e confira 9 passos para tirar o primeiro lugar no vestibular!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

cursos uniderp

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.