Nutrologia ou Nutrição? Entenda as diferenças entre as duas áreas

copo de salada de frutas

Geralmente, o início do ensino médio é o momento em que os alunos começam a se preocupar com a escolha das profissões. Algumas pessoas já sabem qual será a sua opção de curso desde crianças, mas a maioria ainda tem dúvidas sobre o que escolher.

Existem mais de 200 opções de graduação e as novas profissões, apelidadas de carreiras do futuro, já são uma realidade. Dessa forma, a confusão nesse momento é bastante comum. Os alunos que já têm uma área de interesse também encontram dificuldades, visto que existem profissões com a mesma área de atuação.

É o caso, por exemplo, do nutricionista e do nutrólogo. Ambos atuam no mesmo nicho, que é o aconselhamento nutricional, o que causa dúvidas em algumas pessoas. No entanto, apesar de nomes semelhantes, a formação das duas profissões é bastante diferente.

Para ajudar os vestibulandos, conversaremos neste artigo sobre a Nutrição e a Nutrologia. Por aqui, você vai ver:

  • o curso de nível superior de cada profissão;
  • quais são as suas áreas de atuação;
  • média salarial.

Dessa forma, ficará mais fácil escolher qual será o curso do seu futuro. Confira!

Conheça o curso de Nutrição

Para tornar-se um nutricionista, é necessário concluir a graduação em Nutrição. Aqui na Uniderp, o curso superior tem duração de 4 anos, sendo na modalidade presencial. Após, é comum que o profissional se especialize em uma área de atuação de sua preferência, como a nutrição voltada para escolas e hospitais, ou para atletas e indústria.

O objetivo desse profissional é elaborar cardápios saudáveis, com objetivos específicos, ensinar receitas (se for o caso), assim como ensinar aos pacientes boas práticas alimentares. Isso porque um dos pilares para alcançar qualidade de vida é uma alimentação saudável, balanceada e equilibrada.

Os objetivos específicos também são o foco de atuação desse profissional. Como exemplo pode-se citar o emagrecimento, a hipertrofia e as dietas para problemas particulares, como a intolerância ao glúten e à lactose. Os adeptos de veganismo, uma vertente alimentar que está ganhando força, precisam das orientações de um nutricionista para que não haja deficiência de nutrientes.

As principais ações desse profissional são:

  • coordenar programas de alimentação e de nutrição;
  • elaborar cardápios para ambientes coletivos (como empresas e escolas);
  • prescrever dietas individuais, com objetivos específicos;
  • monitorar o preparo de refeições;
  • orientar profissionais que preparam os cardápios quanto as práticas mais saudáveis;
  • controlar a qualidade dos alimentos e a higiene do seu preparo;
  • acompanhar nutricionalmente pacientes com necessidades restritivas e atletas;
  • entre outros.

Sendo assim, além de trabalhar em consultórios, os nutricionistas também são capacitados para trabalhar em hospitais, no setor público, na alimentação coletiva (empresas com refeitórios e restaurantes) e na indústria de alimentos (orientando e coordenando equipes). Há também a possibilidade de atuar na docência, atuando como professor de cursos superiores da área de Saúde.

A média salarial de um nutricionista aqui em Campo Grande, de acordo com o site Salário, é de R$ 2.454,09, com o teto salarial de R$ 4.574,82.

Conheça a área da Nutrologia

A nutrologia é uma especialidade médica. Sendo assim, para que o profissional se torne um nutrólogo, é necessário ter o diploma em Medicina. Aqui na Uniderp, a graduação de nível superior tem duração de 6 anos.

A faculdade conta com parcerias para estágios em hospitais conveniados em diversos pontos de Campo Grande, com programa de estágio e de residência, como a Santa Casa, o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul e o Hospital Cassems, além de parceria com a Secretaria Municipal de Saúde.

Após a graduação, existem algumas opções para o médico que deseja atuar na área de diagnóstico, de prevenção e de tratamento de doenças relacionadas ao comportamento alimentar.

Entre elas está a pós-graduação, a especialização ou a residência médica na área. As modalidades e as instituições que as oferecem têm as suas particularidades; por esse motivo, é imprescindível informar-se antes de escolher qual é a melhor opção. A capacitação em Nutrologia dura, em média, 2 anos. Dessa forma, a formação total é de 8 anos.

Na faculdade de Medicina, o médico adquire habilidades para indicar quais são os melhores alimentos e a dieta indicada para cada caso, de forma mais geral. No entanto, ao especializar-se, o médico aprofunda os conhecimentos em Nutrição e nas doenças relacionadas à alimentação, estando apto a:

  • realizar avaliação da carência ou do excesso de nutrientes;
  • realizar avaliação nutricional e metabólica ampla;
  • realizar avaliação endocrinológica;
  • prescrever dietas e medicações específicas para patologias relacionadas à alimentação;
  • diagnosticar e tratar disfunções alimentares e doenças dos hábitos alimentares;
  • prescrever nutrição correta para situações críticas;
  • acompanhar pacientes e seus objetivos em relação à saúde global;
  • acompanhar doenças crônicas, como diabetes e hipertensão arterial;
  • prescrever nutrição parenteral (via endovenosa) para pacientes que necessitem.

O nutrólogo pode atuar nos consultórios médicos e clínicas. Esse profissional também é uma figura importante nos hospitais, visto que pacientes em estado crítico e com problemas de saúde específicos precisam de dietas personalizadas. A média salarial de um médico nutrólogo no país é de R$ 7.400,13.

Escolha a profissão ideal para seu futuro

Como falado, escolher a melhor profissão para o futuro não é uma tarefa fácil. O primeiro passo é definir quais são as habilidades e as preferências profissionais, o que deseja para a carreira, em que tipo de estabelecimento quer atuar e outras informações importantes ligadas ao curso de graduação.

Se o aluno realmente deseja atuar no acompanhamento nutricional e está em dúvida entre Nutrologia e Nutrição, precisa analisar as duas graduações a fundo. Leve em conta nosso resumo a seguir.

Nutrologia

É importante ter em mente que a formação em Nutrologia é mais demorada, mas oferece recursos para que o profissional atue no diagnóstico e no tratamento de doenças. Afinal, além de poder prescrever dietas específicas, também está apto para indicar medicações. Essa é uma das profissões mais bem pagas atualmente.

Dessa forma, uma importante diferença é que o nutrólogo é o profissional que pode prescrever medicamentos, o que o nutricionista nunca poderá realizar. Em casos de anorexia, de bulimia e de pensamentos compulsivos, por exemplo, pode ser necessário entrar com medicação específica, como os ansiolíticos e os antidepressivos, o que só pode ser feito pelo médico. Caso o nutricionista identifique esse problema, precisará encaminhar o seu paciente.

Nutrição

O profissional formado em Nutrição apresenta uma formação mais rápida, atuando somente com os aspectos relacionados à alimentação do paciente. Porém, como a dieta balanceada é um dos pilares da vida longeva e do bem-estar, a atuação do nutricionista se faz fundamental. Além disso, a alimentação saudável também é capaz de diminuir o uso de medicamentos, como na hipertensão e na diabetes.

Além disso, quando se trata da alimentação, sempre há inúmeras atualizações, novas diretrizes e emprego de tecnologia. Por esse motivo, independentemente da escolha, o aluno continuará estudando e dedicando-se aos estudos e à atualização durante toda a carreira.

E então, com a leitura do nosso artigo, foi possível decidir entre Nutrologia ou Nutrição? É preciso ter em mente que ambas as profissões são necessárias e importantes e oferecem boas oportunidades de emprego. O aluno deve escolher qual graduação seguir com base em suas expectativas para a profissão, suas aptidões e gostos pessoais.

Se você deseja atuar em Campo Grande, pode escolher a Uniderp. Como você viu, oferecemos o curso de Nutrição e também o de Medicina. Entre em contato e saiba mais!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

cursos uniderp

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.