O que faz um pneumologista?

Pneumologista o que faz Uniderp

Inscrições para o vestibular do curso de Medicina 2024.2

Como vestibulando prestes a ingressar no fascinante universo da medicina, você provavelmente já ouviu falar de uma miríade de especialidades médicas, cada uma com suas nuances e desafios.

Aqui, vamos explorar uma especialidade que tem se mostrado cada vez mais crucial em nossa sociedade moderna – a pneumologia. Vamos desvendar a complexidade dessa especialidade, do que se trata e por que ela é tão vital para a saúde de milhões de pessoas.

Seja pela perspectiva clínica ou pelo laboratório, um pneumologista é peça-chave em muitos cenários de cuidado com a saúde. Vamos mergulhar juntos nessa jornada.

O que faz um pneumologista?

Os pneumologistas são especialistas responsáveis por diagnosticar e tratar doenças do sistema respiratório. Isso inclui desde patologias mais comuns, como a asma, até condições graves, como o câncer de pulmão.

Ao longo do tempo, a especialidade expandiu seu escopo para lidar com questões mais complexas, como a medicina do sono e a ventilação mecânica. Com o crescente problema da poluição atmosférica e o aumento de condições respiratórias associadas, a presença desse especialista tornou-se ainda mais relevante.

O que um pneumologista faz e como atua?

Os pneumologistas atuam de diversas maneiras, desde consultas clínicas de rotina até procedimentos invasivos em unidades de terapia intensiva. Eles utilizam ferramentas como a espirometria para avaliar a função pulmonar e identificar distúrbios. 

Além disso, realizam diagnósticos por imagem, como tomografias e radiografias, para avaliar a estrutura pulmonar. Ou ainda broncoscopias para visualizar o interior das vias aéreas e coletar amostras de tecido para análise.

Já em situações mais complexas, os pneumologistas podem realizar cirurgias torácicas para remover tumores ou lesões pulmonares. Eles também são responsáveis por prescrever e monitorar o uso de medicamentos inalatórios, além de indicar terapias complementares, como a fisioterapia respiratória.

Doenças tratadas pelo pneumologista

A lista de doenças tratadas por pneumologistas é extensa, o que reflete a complexidade e a importância dessa especialidade.

Doenças frequentes, como resfriados comuns e pneumonias, são diagnosticadas e tratadas por esses profissionais, assim como patologias crônicas, por exemplo:

Tour Virtual de Medicina Uniderp Campo Grande
  • Asma
  • Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC)
  • Fibrose Cística
  • Tuberculose
  • Pneumonias recorrentes
  • Câncer de pulmão
  • Síndrome da apneia do sono
  • Bronquite crônica
  • Enfisema pulmonar
  • Derrame pleural
  • Bronquiolite obliterante

Termos técnicos da pneumologia

A pneumologia é uma especialidade repleta de termos técnicos que podem soar complexos para leigos. Alguns desses termos, porém, são essenciais para compreender os processos e as condições do sistema respiratório.

Aqui estão alguns que você irá esbarrar com frequência:

  • Espirometria: um exame não invasivo que mede a quantidade e a velocidade de ar que uma pessoa é capaz de inalar e exalar.
  • Broncoscopia: um procedimento minimamente invasivo que permite visualizar o interior dos brônquios e realizar intervenções terapêuticas ou diagnósticas.
  • Pneumotórax: a presença de ar livre na cavidade pleural, entre o pulmão e o peito.
  • Ventilação mecânica: um suporte respiratório oferecido a pacientes que têm dificuldade em respirar ou estão sem ventilação própria.
  • Biópsia: um procedimento que envolve a retirada de tecido para análise laboratorial. No caso da pneumologia, pode ser realizada em uma lesão pulmonar para identificar a presença de câncer.
  • Hemoptise: a presença de sangue no escarro (secreção produzida pela tosse).  Pode ser um sinal de doenças pulmonares ou respiratórias.

Qual a jornada de formação para ser um pneumologista?

O primeiro passo é completar os seis anos de graduação em medicina, um período intenso de estudos teóricos e práticos.

Após essa etapa, o médico deve ingressar em uma residência em clínica médica, que dura dois anos, onde ele terá a oportunidade de aplicar os conhecimentos adquiridos de forma mais prática e sob supervisão. Somente depois dessa fase, o médico pode se especializar em pneumologia, dedicando mais dois anos à aprofundamento nos estudos de doenças respiratórias.

Além disso, muitos profissionais da área da saúde optam por expandir sua formação acadêmica e profissional por meio de mestrados ou doutorados. Essa escolha depende muito dos interesses de cada um, seja para seguir uma carreira acadêmica, participar de pesquisas inovadoras ou mesmo se destacar no mercado de trabalho. Essa formação adicional proporciona um conhecimento mais aprofundado e especializado.

Devido à alta demanda por especialistas em pneumologia, especialmente no setor público devido a doenças respiratórias como asma, DPOC e, mais recentemente, complicações devido à COVID-19, há uma boa quantidade de concursos específicos para essa especialidade. Esses concursos representam uma excelente oportunidade para os pneumologistas desenvolverem suas carreiras em instituições renomadas de ensino e pesquisa, contribuindo significativamente para o avanço da medicina respiratória e para a saúde pública como um todo.

Portanto, apesar dos desafios e da longa trajetória de formação, a carreira de pneumologista é extremamente gratificante e oferece numerosas oportunidades para aqueles que são apaixonados por melhorar a saúde respiratória da população.

Conclusão

A pneumologia é uma especialidade médica multifacetada e em constante evolução. Se você tem interesse em compreender melhor a saúde respiratória humana, considerar a incorporação dessa especialização em seus planos de estudo para medicina pode ser uma decisão valiosa.

Ao abraçar a pneumologia, você estará contribuindo para um aspecto vital da medicina contemporânea, com desafios clínicos estimulantes e a oportunidade de fazer uma verdadeira diferença na vida de seus pacientes.

Se a sua vocação aponta para a saúde respiratória da população, saiba que o caminho do pneumologista tem potencial para ser notável. Escolha a Uniderp para conquistar sua formação em medicina, e iniciar uma carreira de sucesso como médico pneumologista!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Artigos relacionados